São Francisco de Assis – Capítulo 10

CAPÍTULO 10

Certa vez, repleto da graça do Espírito Santo, São Francisco chamou a si os referidos seis irmãos e lhes predisse o que haveria de acontecer. “Consideremos, irmãos caríssimos, a nossa vocação, pela qual Deus nos chamou com misericórdia, não só para a nossa salvação, mas para a de muitos, a fim de irmos pelo mundo, exortando a todos, mais com o exemplo que com a palavra, a fazer penitência de seus pecados e a lembrar-se dos mandamentos de Deus. Não tenhais medo por parecerdes poucos e ignorantes, mas com firmeza e simplicidade anunciai a penitência, confiando no Senhor, que venceu o mundo, porque por seu Espírito falará por meio de vós e em vós para exortar a todos que se convertam a Ele e observem seus mandamentos. Encontrareis alguns homens sem fé, soberbos e blasfemos que, injuriando-vos, resistirão a vós e a tudo aquilo que disserdes. Ponde, pois, em vossos corações tolerar tudo com paciência e humildade. Não temais, porque muitos converter-se-ão ao Senhor”.

Tendo-lhes dito isso, abençoou-os. E os homens de Deus foram devotamente, e observando suas advertências. Quando encontravam alguma igreja ou cruz, ajoelhavam-se para rezar e devotamente diziam: “Nós te adoramos, ó Cristo, e te bendizemos, por causa de todas as tuas igrejas que estão no mundo inteiro, porque pela tua santa cruz remiste o mundo”. Pois achavam que estavam sempre encontrando um lugar de Deus onde quer que encontrassem uma cruz ou uma igreja. Todos que os viam admiravam-se muito porque, no hábito e no modo de viver eram únicos.

Muitos os julgavam enganadores e loucos e não queriam admiti-los em casa para que, como ladrões, tirassem furtivamente as suas coisas. Chegando certa noite numa casa que tinha um pórtico, e dentro do pórtico um forno, disseram: “Aqui poderemos hospedar-nos”. Pediram à dona da casa que os recebesse dentro de casa, mas como ela recusasse, rogaram humildemente que pelo menos lhes permitisse descansar por aquela noite junto ao forno. Isso foi concedido por ela. Naquela noite, tendo repousado até o alvorecer junto ao forno, com um sono breve e sóbrio, só aquecidos pelo calor divino e cobertos com o manto da Senhora Pobreza, foram de manhã para a igreja mais próxima para rezar.

Fonte: Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil (Franciscanos.org.br)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s