Invocação Mariana: Nossa Senhora da Ajuda

É uma escultura considerada milagrosa, de 31 em de altura, 11 cm de largura e 07 cm de profundidade. Apresenta uma figura feminina, de pé, posição frontal, cabeça direcionada para a frente, olhar na mesma direção. Véu na cor azul, envolvendo a cabeça com a ponta à frente sobre a gola. Braços flexionados à frente, com mão direita semifechada, a esquerda espalmada apoiando o menino. Veste túnica na cor azul com ornatos de ramagens estilizadas e no barrado a mesma decoração. O manto é de cor azul, decorado com ramagens estilizadas, forro na cor rosa com a mesma decoração, com esgrafitos. A perna esquerda está levemente flexionada à frente. A base alteada de forma retangular, parte superior saliente, – centro côncavo. Menino de pé, frontal, cabelos curtos em sulcos. Braço direito elevado sobre o ombro da imagem, o esquerdo à frente para o lado direito, com mão segurando a ponta do véu. A imagem apresenta o mau estado de conservação, as condições de segurança são ruins e a proteção legal federal de tombamento é em conjunto.

Entre os santuários de Nossa Senhora fundados pela Companhia de Jesus merece especial atenção o de Nossa Senhora da Ajuda, na Bahia. Este santuário deve sua existência ao Pe. Francisco Pires, um dos principais apóstolos do Brasil.

À custa de excessivas fadigas e privações sem número, o padre Pires e seus companheiros escavaram os alicerces para a construção de um templo que iam dedicar a Maria Santíssima, no alto de monte denominado Porto Seguro, na Bahia.

Não tendo quem os ajudasse na construção do templo, começaram os Jesuítas, com suas próprias mãos, a construí-lo, mas não havia água ali perto, para a construção. pelo que fizeram uma valeta a mais de uma milha de distância, de onde a transportavam para cima da montanha, não os desanimando o trabalho fatigante e exaustivo.

Um dia, porém, veio perturbá-los um colono que morava perto do lugar de onde eles retiravam a água: pensando o colono que viesse a faltar água para seu sítio, por causa da contínua retirada de água, opôs-se a que os padres continuassem a retirar a água para a construção do templo. Recorreram então eles, cheios de confiança à Mãe de Deus, pedindo sua ajuda, para poderem continuar a construção que estavam erguendo em sua honra.

Maria ouve a prece dos padres: durante a celebração da santa missa começa a brotar do tronco de uma árvore que haviam deixado no terreno que limparam para a construção do templo, uma fonte de água límpida e abundante!

Maravilhados com o milagre que Maria Santíssima havia operado, continuaram a construção, e, pronto o templo, escolheram-na para padroeira sob a invocação de Nossa Senhora da Ajuda, devido à grande “ajuda” que Maria lhes prestara.

O Pe. Anchieta narra que essa água milagrosa curava qualquer espécie de moléstia, sendo operados muitos milagres.

Hoje o santuário de Nossa Senhora da Ajuda é um dos mais ricos do Brasil, e Nossa Senhora é muito venerada sob este título ou invocação.

ORAÇÃO À NOSSA SENHORA D´AJUDA

Ó Mãe Santíssima d’ Ajuda, Virgem pura e Imaculada, ouvi como especial Advogada os nossos clamores. Mostrai-nos o vosso poder profundo; O céu e a terra. O mundo inteiro vos venera, até o inferno a vós se rende, ó Senhora!
Procuramos o vosso abrigo como filhos miseráveis, pois são mais admiráveis os vossos prodígios. Queremos, Senhora, seguir vossos vestígios.
Sede sempre nossa Protetora e Advogada,
socorrei a nós às nossas famílias, alcançai a todos as graças que vos pedimos, e enfim a eterna felicidade do Céu.
Abençoai-nos e protegei-nos, ó Virgem Mãe Santíssima.
Amém.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s